terça-feira, 16 de agosto de 2016

Secretaria de Saúde de Caucaia em parceria com o Corpo de Bombeiros no Combate ao Aedes Aegypti

Com o objetivo de garantir o controle do transmissor das doenças Dengue, Zika e Febre Chikungunya, o mosquito Aedes Aegypti, a Secretaria Municipal de Saúde em parceria com o Corpo de Bombeiros da 3ª SB/ 2º GB sediado no icaraí está iniciando nesta quarta feira, 17 de agosto o telamento em um dos principais criadouros do Aedes Aegypti, "a caixa d'água."
O Corpo de Bombeiros em uma atitude de cidadania qualidade permanente desta instituição passa a disponibilizar a guarnição de salvamento para que no período matutino possa colaborar no combate, sendo o bairro inicial o Conjunto Habitacional Araturi, pois possui muitos apartamentos, cuja as caixas d'água são consideradas de acesso difícil. A ação tem como meta telar 435 caixas d'água que se encontram hoje desprotegidas, além de sensibilizar a população para o cuidado com este tipo de depósitos. 
Vale lembrar que o município apresenta um cenário de alerta em relação as doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti, já que o ultimo levantamento de índice rápido realizado equivalente ao final do mês de julho resultou com o índice de infestação predial 2.11% na zona urbana.

domingo, 7 de agosto de 2016

Secretaria de Saúde de Caucaia Realiza atividades referentes a Semana Nacional de Mobilização Contra o Calazar - 08 a 12 de Agosto


Com o objetivo de orientar e alerta a população para os riscos da transmissão da Leishmaniose Visceral (Calazar), a Secretaria Municipal de Saúde estará realizando atividades preventivas e de sensibilização para o controle desta doença que atinge tanto o homem quanto o cão. O enfoque das atividades é a comunicação e a educação em saúde, afim de reduzir os riscos da Leishmaniose Visceral humana e canina.

A programação terá inicio no dia 08.08 com palestra sobre o controle do Calazar para os agentes comunitários de saúde, agentes de controle de endemias e os enfermeiros com atuação no bairro Marechal Rondon, considerado prioritário no controle e o maior número de casos humanos registrados nos últimos 03 anos.

No dia 09.08 será a abertura às 09h da Semana de Mobilização Contra o Calazar, no CIDI - Rua Nova Alvorada, bairro Marechal Rondon, na ocasião acontecerá ações de encoleramento, apresentações educativas, distribuição de informativos, orientações com o médico veterinário e da feira de adoção de animais esclarecendo a população como participar. Encerrando a Semana, no dia 12 de agosto acontecerá o seminário de atualização do controle tendo como público alvo aos agentes de controle das endemias e enfermeiros das 08:30h as 12h na escola profissionalizante Professor Antônio Valmir, ao lado do CEO regional. 

Maiores informações: 3342.8010


terça-feira, 2 de agosto de 2016

Combate ao Aedes Aegypti é Intensificado em Caucaia




Ações diárias realizadas pelos agentes de controle de endemias no município contempla além das visitas domiciliares, o monitoramento de criadouros potencias para o Aedes Aegypti. Conforme mapeamento da Secretaria Municipal de Saúde os bairros com elevado índice de infestação predial recebem ações alternativas, em especial o uso peixe beta em tanques, cisterna e cacimbas, além da colação de telas nos tambores com capacidade de 200 litros, considerado um dos criadouros preferenciais do Aegypti.
Vale lembrar que a pulverização costal está sendo realizada abrangendo raio de quarteirões nos bairros com transmissão de casos, de acordo com a vigilância epidemiológica.

domingo, 17 de julho de 2016

O Combate ao Aedes Aegypti em Caucaia Ganha Reforço na Próxima Terça Feira - 19 de Julho.

A Secretaria Municipal de Saúde entrega na próxima terça feira, 19 de julho ás 09hs o laboratório José Lanusse Pinto Gomes de reprodução do peixe beta. Trata-se de uma ação alternativa biológica, já que um peixe beta chega a eliminar cerca de 400 larvas do mosquito dia e será colocado em locais de acumulo de água do tipo cacimbas e nos depósitos com capacidade superior a 200 litros como os tanques e cisternas, evitando assim a reprodução das larvas do mosquito Aedes Aegypti. O laboratório estará reproduzindo cerca de 10.000 peixes mês possibilitando a efetivação da ação biológica de maneira sustentável sem agredir o meio ambiente.
Vale lembrar que a estratégia aplicada pelos agentes de controle de endemias requer a parceria da população, em especial no período de escassez d'água, aonde a população armazena por mais tempo proporcionando o aumento dos criadouros, consequentemente o aumento da dispersão do mosquito que transmite as doenças Dengue, Zika e a Febre Chikungunya.

Maiores informações:3342.8010.

Secretaria de Saúde de Caucaia inicia a Campanha de Vacinação Contra a Raiva Animal na Zona Rural

Com o inicio no ultimo dia 04 de julho, a Secretaria Municipal de Saúde através do Setor de Controle de Endemias e Zoonoses deu a largada na Campanha de Vacinação Contra a Raiva Animal de cães e gatos. Conforme o planejamento elaborado a Campanha de Vacinação é antecipada na zona rural compreendendo as localidades situadas nas regiões da BR 020, BR 222 e Garrote, em virtude da grandeza territorial ficando para o dia D em 02 etapas a zona urbana e os distritos.  
Vale lembrar que o dia D deverá acontecer em data a ser confirmada pela Secretaria de Saúde do Ceará, sendo aguardo o final de novembro, ou o inicio de dezembro. Até lá devem ser vacinados cerca de 20.000 animais entre cães e gatos na zona rural com a visita casa a casa da equipe de vacinadores da zoonoses.
A Secretaria de Saúde de Caucaia informa que o objetivo é atingir 80% da cobertura vacinal para que o município continue livre do vírus rábico.
Maiores informações: 3342.8010

sexta-feira, 8 de julho de 2016

Secretaria de Saúde de Caucaia orienta a população sobre os animais peçonhentos

Durante todos os dias é preciso ter cuidado com os animais peçonhentos. Em Julho o período de férias escolares, exploração de trilhas, da poda de cajueiro os cuidados devem ser redobrados. A melhor forma  é evitar acidentes com cobras escorpiões, aranhas e outros bichos peçonhentos é a prevenção. 
A Secretaria de Saúde informa a população quais providências devem ser tomadas, caso haja o acidente pelo animal peçonhento.

COMO SE PROTEGER

1. Utilizar equipamentos de proteção individual (EPI), como calçados fechados e botas de cano longo ou perneiras, durante atividades rurais, manuseio de materiais de construção, transporte de lenhas, movimentação de móveis, limpeza de jardim, quintais e terrenos baldios.
2. Não colocar as mãos em tocas ou buracos na terra, ocos de árvores, cupinzeiros.
3.No amanhecer e no entardecer, evitar a aproximação da vegetação muito próxima ao chão, gramados ou até mesmo jardins, pois é nesse momento que serpentes estão em maior atividade.
4. Inspecionar roupas, calçados, toalhas de banho e de rosto, roupas de cama, panos de chão e tapetes, antes de usá-los.
5. Afastar camas e berços das paredes
6.  Controlar roedores existentes na área.
7.Limpar móveis, cortinas, quadros, cantos de parede e terrenos baldios (sempre com uso de EPI).
8. Vedar frestas e buracos em paredes, assoalhos, forros e rodapés. Utilizar telas, vedantes ou sacos de areia em portas, janelas e ralos.

PRIMEIROS SOCORROS

1. Lavar o local com água e sabão. Manter o membro picado (perna ou braço) em posição confortável. 2.Procurar imediatamente o serviço de saúde mais próximo.
3.  Na picada por aranha ou escorpião, usar compressas mornas para ajudar no alívio da dor. No local de contato com lagartas, usar compressas com gelo ou água gelada para aliviar a dor.

Maiores informações: Núcleo de Controle de Endemias e Zoonoses - 33428010